Campanha Criança é Prioridade

11 de janeiro de 2017

Iniciativa da secretaria executiva da Rede Nacional Primeira Infância / CECIP – Centro de Criação de Imagem Popular, em parceria com a Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, a campanha suprapartidária Criança é Prioridade conseguiu a adesão de 405 candidatas e candidatos, dos quais 104 foram eleitos, que expressaram seu compromisso em elaborar, implementar e monitorar os Planos Municipais pela Primeira Infância (veja a relação completa no fim da matéria). As organizações integrantes da RNPI foram as grandes articuladoras dessa campanha, que contou também com apoio significativo de Conselhos Municipais de Direitos das Crianças e Adolescentes, e até mesmo de defensores dos direitos das crianças que participaram de forma individual. Além da assinatura dos compromissos, a campanha mobilizou audiências públicas, debates e encontros entre os candidatos e eleitores, com foco nos direitos das crianças.

Apostando na população como um ator fundamental na cobrança por melhores políticas públicas, a campanha “Criança é Prioridade” produziu diversas peças de comunicação digital para o grande público, informando sobre os Planos Municipais pela Primeira Infância, e outros direitos previstos no Marco Legal da Primeira Infância e no Estatuto da Criança e Adolescente. Um vídeo com a locução da atriz Taís Araújo e imagens do filme “O Começo da Vida” aborda o direito à cultura, à formação dos profissionais e á escuta e participação das crianças nas decisões que impactam suas vidas. Um kit de spots de rádio aborda os mesmos temas em um formato divertido e popular, e, até agora, já foi distribuído para quase 1.500 rádios parceiras da Pastoral da Criança e outras 900 rádios comunitárias. (Clique aqui para fazer o download). Além do vídeo e spot de rádio, a campanha produziu diversos cards virtuais que promovem os direitos das crianças na primeira infância, com ilustração do cartunista Claudius Ceccon, e uma publicação virtual com dicas de advocacy para as organizações participantes da campanha.

×

Comments are closed.